Período:

 De 31 de março de 1964 (Golpe Militar que derrubou João Goulart) a 15 de janeiro de 1985 (eleição de Tancredo Neves).

Fatores que influenciaram (contexto histórico antes do Golpe):

– Instabilidade política durante o governo de João Goulart;- Ocorrências de greves e manifestações políticas e sociais;

– Alto custo de vida enfrentado pela população;

– Promessa de João Goulart em fazer a Reforma de Base (mudanças radicais na agricultura, economia e educação);

– Medo da classe média de que o socialismo fosse implantado no Brasil;

– apoio da Igreja Católica, setores conservadores, classe média e até dos Estados Unidos aos militares brasileiros;

Principais características do regime militar no Brasil:

– Cassação de direitos políticos de opositores;

– Repressão aos movimentos sociais e manifestações de oposição;

– Censura aos meios de comunicação;- Censura aos artistas (músicos, atores, artistas plásticos);

– Aproximação dos Estados Unidos;- Controle dos sindicatos;

– Implantação do bipartidarismo: ARENA (governo) e MDB (oposição controlada);

– Enfrentamento militar dos movimentos de guerrilha contrários ao regime militar;

– Uso de métodos violentos, inclusive tortura, contra os opositores ao regime;

– “Milagre econômico”: forte crescimento da economia (entre 1969 a 1973) com altos investimentos em infraestrutura. Aumento da dívida externa.

Abertura Política e transição para a democracia:

– Teve início no governo Ernesto Geisel e continuou no de Figueiredo;

– Abertura lenda, gradual e segura, conforme prometido por Geisel;

– Significativa vitória do MDB nas eleições parlamentares de 1974;

– Fim do AI-5 e restauração do habeas-corpus em 1978;- Em 1979 volta o sistema pluripartidário;

– Em 1984 ocorreu o Movimento das “Diretas Já”. Porém, a eleição ocorre de forma indireta com a eleição de Tancredo Neves.