Campos Sales,presidente cujo o seu governo marca o início da republica ´´café-com-leite``

Manuel Ferraz de Campos Sales foi um advogado e político brasileiro. Começou na carreira política como deputado provincial de 1867 a 1871, vereador em 1872, senador em 1891, no entanto renunciou ao cargo para se tornar governador do estado de São Paulo. Em 1898 foi eleito presidente da república.

As ações de Campos Sales se concentraram em recuperar a situação econômica do Brasil, prejudicada pela política do encilhamento do governo anterior, Prudente de Moraes. A política do encilhamento fez com que o Brasil recorresse a empréstimos da Inglaterra, aumentando consideravelmente a dívida externa, por isso, o governo se preocupou em amenizar o efeito desta dívida estabelecendo um acordo denominado “funding loan”. Este acordo visava à suspensão dos juros da dívida por certo tempo e como garantia as rendas da alfândega do Rio de Janeiro e Santos ficariam hipotecadas aos banqueiros ingleses.

Além da renegociação da dívida externa, Campo Sales combateu a inflação e a desvalorização da moeda, não emitindo mais e retirando grande parte de circulação. Outras atitudes que fizeram parte do “saneamento econômico” foram a redução das despesas e aumento das receitas através da criação de uma série de novos impostos.

O aumento da carga tributária gerou o descontentamento da população, que mesmo os preços caindo, ainda reclamavam da pobreza e das más situações que viviam. Assim, para garantir a manutenção do poder, Campos Sales desenvolveu uma política de favorecimento entre o governo central e os governadores. Após seu mandato presidencial, Campos Sales ainda foi senador por São Paulo e diplomata na Argentina.

Anúncios